Trilha sonora de ‘Arcanjo Renegado’ tem hino nacional em rap; confira outras curiosidades do álbum!

Série original Globoplay estreia na TV nesta quinta, 4/2

Depois de fazer sucesso no Globoplay, chegou a hora da série Arcanjo Renegado estrear com tudo na Globo nesta quinta, 4/2, logo após o BBB21! A história de Mikhael (Marcello Melo Jr.), líder da equipe Arcanjo, do BOPE, é um thriller policial repleto de ação, emoção, suspense e… música! A trilha sonora da história foi editada em um álbum com nada mais, nada menos que 50 faixas pelo DJ, compositor e produtor musical Sany Pitbull.

Entre músicas cantadas por talentos da periferia do Rio de Janeiro e da Baixada Fluminense, ajuda a construir o tom da trama uma versão especial, em rap, do Hino Nacional Brasileiro!

Al-Neg, poeta descoberto por Sany no Complexo do Alemão, em saraus no local, é o responsável por apresentar uma releitura da canção original apresentada por Francisco Manuel da Silva, em 1822, com letra de Osório Duque Estrada.

As faixas ainda apresentam canções em funk, samba, pagode e gospel e contaram com a participação, segundo Pitbull, de egressos do sistema penal.

Serviu de inspiração para Sany fechar a trilha com chave de ouro artistas que ele encontrou em suas ‘pesquisas de campo’, nos metrôs, trens e outros transportes públicos da cidade. Uma grande chance para talentos que ainda contavam com pouca visibilidade no mercado musical!

O resultado disso tudo? Uma atmosfera perfeita para a série criada por José Júnior, com direção geral de Heitor Dhalia e direção de André Godoi. A primeira temporada está disponível na íntegra para assinantes Globoplay, na plataforma. A obra é uma coprodução da plataforma de streaming e do Multishow com a AfroReggae Audiovisual.

 

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email