Prefeito Wladimir Garotinho inicia recuperação de estradas da Baixada Campista

Lançamento do Programa Estradas do Produtor foi realizado no Alto do Eliseu - Fotos: César Ferreira
O Programa Estradas do Produtor, idealizado pelo prefeito Wladimir Garotinho e que já recuperou mais de 150 quilômetros de estradas vicinais em diferentes pontos de Campos, foi lançado oficialmente, em parceria com o Governo do Estado, nesta quarta-feira (08), na Baixada Campista. Na região, serão beneficiadas mais de 100 mil pessoas, entre produtores rurais, ceramistas e moradores das localidades e distritos. O lançamento, na estrada de Alto do Eliseu, contou com a participação do deputado estadual Jair Bittencourt; do vice-prefeito de Campos, Frederico Paes; do secretário de Agricultura, Almy Junior; e do secretário de Governo, Juninho Virgílio, além dos vereadores Álvaro Oliveira, Bruno Pezão e Silvinho Martins.
O programa prevê a recuperação de 250 quilômetros de estradas vicinais e pontes da Baixada. “Estrada boa é sinônimo de desenvolvimento, beneficia o morador, o produtor e faz com que o consumidor receba um produto de mais qualidade, mais fresco, porque encurta distâncias e reduz o tempo para o escoamento da produção. A união da Prefeitura de Campos com o governo estadual para realizar o Programa Estradas do Produtor vai fazer toda a diferença, porque vai fortalecer nossa agricultura, vai desenvolver o interior”, destacou o produtor e ceramista Oziel Batista Crespo Filho.
O prefeito informou que irá acompanhar de perto o programa que ele criou e que vai assegurar o maior investimento da história do município na agricultura e na valorização do homem do campo. “Hoje estamos oficialmente lançando a parceria com o governo estadual para o Estradas do Produtor e afirmamos que todo o investimento que o estado fizer nas estradas de Campos nós vamos dobrar. Começamos pela Baixada porque, só aqui, são cerca de 3.500 produtores rurais cadastrados, mas vamos fazer isso em todo o município, porque o que não podemos permitir é que o agricultor seja deixado na mão e as pessoas do interior esquecidas, como aconteceu nos últimos quatro anos. Nosso povo é trabalhador, sabe produzir e o mínimo que o poder público pode são estradas decentes para todos poderem escoar sua produção e ter rentabilidade. Então, vamos dar dignidade ao trabalhador, as pessoas do interior e Campos terá, neste governo, o maior investimento em agricultura de sua história.
Mais investimentos – No lançamento, foram anunciados mais investimentos para a Agricult
ura de Campos. O deputado Jair Bittencourt parabenizou o prefeito pelo empenho e sensibilidade de, em meio a ta
ntos problemas no município, voltar uma atenção especial ao campo, ao interior. Ele contou que, um acordo com o secretário de Estado de Agricultura, Marcelo Queiroz, que não pode participar do evento por estar com Covid-19, per
mitirá que recursos obtidos pela pasta, por meio de emenda parlamentar do então deputado federal Wladimir Garotinho, serão direcionados para investimentos da Secretaria de Agricultura de Campos.

 

Casa do Produtor Rural – O deputado estadual ainda disse que o município de Campos vai ganhar três unidades do Programa Estadual Espaço do Agricultor. “O governador Cláudio Castro lançou o programa e abriu para cada prefeitura reivindicar uma unidade. O prefeito
 Wladimir destacou o tamanho do município de Campos, o maior do interior do estado, e mandou três projetos. E tenho a honra de informar que, dos cinco projetos aprovados ontem, os três de Campos estão incluídos. Isso demonstra o empenho do prefeito de investir no setor”, declarou Bittencourt, frisando que o Governo do Estado começou por Campos os trabalhos de recuperação das estradas e que R$ 70 milhões já foram assegurados pelo estado para a continuação do programa no próximo ano.
O vice-prefeito de Campos destacou que o compromisso do prefeito Wladimir Garotinho não é só com o produtor rural como também com os ceramistas, que geram milhares de emprego. “A Baixada é um polo importantíssimo de geração de trabalho e renda, que precisa do apoio do governo. E muitas coisas vão vir. A Baixar estava abandonada e, em oito meses, já investimos mais em agricultura do que o governo passado em quatro anos. Isso demonstra a importância dessa região”, comentou Frederico Paes.
Potencial da Baixada Campista – O secretário municipal de Agricultura destacou o potencial agrícola da Baixada. “Pelas características do solo e clima, a Baixada tem potencial para várias atividade

s agropecuárias e de pesca, como cana de açúcar, mandioca, abacaxi, pecuária de corte e leiteira, horticultura, pesca e aquicultura. A Baixada é, ainda, polo cerâmico de Campos e o setor também será beneficiado com o Estradas do Produtor. O programa municipal, desenvolvido em parceria com o Estado, além de recuperar estradas e pontes para melhorar a estratégia de escoamento da produção rural, também objetiva beneficiar a comunidade em geral, melhorando as condições de tráfego de veículos e facilitando o deslocamento dos moradores para obtenção de atendimento e serviços para outras regiões ou mesmo para a área central do município”, disse Almy Junior.

Além de produtores e ceramistas, quem recebeu o Estradas do Produtor na Baixada com felicidade foi a moradora de Alto do Eliseu, Romilce Nogueira Peixoto de Souza. “Vivo aqui há 49 anos e sempre foi assim, muito poeira e as pessoas com alergia respiratória, ou muita lama. Nunca recebemos nenhuma melhoria, mas agora sabemos que nossa vida vai melhorar e que esse governo se preocupa com a população da zona rural”, destacou Romilce, que fez questão de cumprimentar e agradecer ao prefeito.
Fonte: Secom/PMCG

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email