Em Campos, Secretaria de Transparência e Controle lança campanha Declare Solidariedade

Secretário Rodrigo Resende destacou importância da contribuição - Foto: César Ferreira

Março está chegando e, na hora de declarar o Imposto de Renda (IR), contribuintes pessoas físicas podem doar parte do valor a ser declarado e ajudar crianças, adolescentes e idosos da cidade onde vivem. O procedimento é simples e não custa nada, pois a doação é abatida do imposto a ser pago ou acrescida no valor da restituição. Para divulgar a importância da doação na declaração do IR, a Prefeitura de Campos, por meio da Secretaria de Transparência e Controle, lançou a campanha Declare Solidariedade.

“Por lei, até 6% do imposto devido pode ser transformado em doação, 3% para o Fundo da Criança e do Adolescente e 3% para o Fundo do Idoso. O contribuinte tem a opção de pegar parte da contribuição, que ia direto para o governo, e doar diretamente para quem ele quiser ajudar. Muita gente ainda não sabe que tem essa opção, mas essa doação é uma contribuição significativa para muitos que realmente precisam”, diz o secretário Rodrigo Resende.

O prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2022 (ano-base 2021) começa no dia 7 de março e vai até 29 de abril. Para fazer a doação, o contribuinte deve optar pelo modelo completo da declaração do imposto de renda pessoa física. Neste modelo, há o botão Doações Diretamente na Declaração com as opções dos fundos, e o próprio sistema calcula, de acordo com a contribuição declarada, o valor máximo que pode ser doado.

O secretário de Transparência e Controle lembra que o dinheiro doado retorna para o contribuinte. “Se a declaração resultar em imposto a restituir, o valor doado será acrescido ao valor da restituição e volta para o contribuinte acrescido pela taxa Selic (taxa básica de juros). Já, se a declaração resultar em imposto a pagar, a doação será subtraída desse valor. Acreditamos que as pessoas vão querer participar e contamos com os contadores, que podem divulgar a campanha na hora de preparar as declarações dos contribuintes”, concluiu Rodrigo Resende.

Fonte: Comunicação/PMCG

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email